Segundo especialista, doenças vasculares começam na infância

Nesta semana, o cirurgião cardiovascular Sérgio Francisco, do Hospital do Coração do Agreste, deu uma declaração preocupante ao alertar que as doenças do coração começam ainda na infância. Segundo o especialista, muitas crianças estão se alimentando inadequadamente e vivendo de forma sedentária, substituindo as brincadeiras tradicionais como o futebol, corrida e pula-corda pelos jogos virtuais disponíveis nos equipamentos eletrônicos.
Um dos fatores responsáveis por essa mudança de hábito, de acordo com o cirurgião cardiovascular, é a insegurança urbana, que tem interferido diretamente na saúde da população. “Com medo da violência, os pais já não deixam suas crianças brincarem na rua e elas acabam buscando a diversão sentadas à frente de um computador ou vídeo game, tornando-se crianças sedentárias e alvos fáceis das doenças cardiovasculares”, frisou.
A alimentação inadequada também é outro vilão para as doenças prematuras do coração. Segundo ele, os alimentos que as crianças mais gostam geralmente são os mais agressivos à saúde, a exemplo dos salgadinhos e macarrões instantâneos que possuem quantidade de sódio superior a necessidade diária do organismo.
“Nos macarrões instantâneos, por exemplo, o sódio não está na massa, mas sim no pacotinho de tempero. O recomendado é comer esse tipo de alimento apenas uma vez na semana e se possível temperá-lo apenas com a metade do tempero”, alertou.
O cirurgião cardiovascular também mostrou-se preocupado com a alimentação das crianças dentro da escola. Enquanto boa parte delas leva na lancheira apenas um salgadinho acompanhado de refrigerante, a outra parte prefere consumir a oleosa coxinha ou pastel vendidos nas cantinas.
“O ideal seria uma normatização nas cantinas das escolas para proibir a comercialização dos alimentos com excesso de sódio e gordura. O momento de cuidar da saúde de nossas crianças e decidirmos se queremos futuros cidadãos saudáveis ou obesos e doentes é agora. Os pais também deve incentivar a alimentação saudável dos filhos desde cedo, servindo frutas ao invés de salgadinhos e sucos no lugar dos refrigerantes”, finalizou.
Por: Minuto Arapiraca 

Compartilhe :

veja também

últimas notícias


Entre em contato

ara.noticia@hotmail.com


www.aranoticia.com - Todos os direitos reservados. © 2017