Arapiraca revela talentos esportistas na II Copa de Judô

Uma gama de talentos esportistas arapiraquenses foi revelada na II Copa Cidade de Arapiraca de Judô, que aconteceu neste fim de semana no Ginásio Municipal João Paulo II, no Parque Ceci Cunha, Centro da cidade.
O evento, realizado pelo Centro de Treinamento Andrade de Judô (CT), reuniu mais de 200 atletas de 18 academias de sete cidades alagoanas que praticam o judô, arte marcial iniciada no século 17 para defesa pessoal.
O CT é filiado às federações Brasileira e Alagoana da modalidade esportiva e tem o apoio da Prefeitura de Arapiraca, por intermédio da Secretaria Municipal de Esporte, Lazer e Juventude (Smel).
                
Um dos organizadores da Copa de Judô e à frente do CT, Clebeson Andrade, afirmou que o evento promove a prática do esporte e revela talentos alagoanos que já competem em outros estados brasileiros.
“São jovens atletas que estão se destacando no judô e conquistando medalhas em campeonatos importantes do país e que representam orgulho para todos nós”, disse Clebeson Andrade.
Na II Copa Cidade de Arapiraca de Judô participaram esportistas das categorias Festival (até 8 anos de idade), Sub11(9 e 10 anos), Sub13 (11 e 12 anos), Sub15 (13 e 14 anos), Sub18 (15 a 17 anos), Sub 21 (18 a 20 anos) e Sênior – categoria adulto.
               
Segundo Clebeson Andrade, os atletas classificados irão participar dos campeonatos brasileiros. O próximo será nos dias 7, 8 e 9 de agosto na cidade de Cuiabá, capital do estado de Mato Grosso.
A subsecretária municipal de Esporte, Lazer e Juventude, Michelly Rosy Lima, acompanhou todas as etapas do evento, contribuindo com a logística necessária de suporte aos atletas.
“É um apoio necessário e muito importante que a Prefeitura de Arapiraca oferece por determinação da prefeita Célia Rocha e ficamos orgulhosos de vermos jovens talentosos nessa modalidade esportiva”, afirmou Michelly Rosy.
                                   
Desafios de campeões

Na categoria Sub15, duas atletas arapiraquenses se destacam no Judô: Janyelle dos Santos, de 14 anos, e Nathally Gabrielly, de 13 anos. Para elas, o judô é o melhor esporte porque disciplina o atleta e o ensina a manter respeito mesmo pelo adversário.
                
Janyelle pratica o esporte desde o oito anos de idade e já participou do Campeonato Brasileiro Estudantil, em Londrina, no Paraná, com apoio do Grupo JBarreto.
“Treino muito para garantir qualidade técnica e esta copa arapiraquense é muito importante porque disputados com os melhores atletas do nosso estado o que nos permite aprimorar nossas técnicas e garantir mais qualidade”, declarou Janyelle dos Santos.
Já Nathally Gabrielly está entre as três melhores atletas da categoria Sub15 e da equipe Andrade de Judô. “Cada campeonato é um espelho para que possamos aprimorar nossas técnicas”, disse a medalhista judoca.

Superação de vida

Há também talentos no esporte que são, na verdade, superação de vida. Exemplo disto são os judocas Daniel Rodrigues, 19, e Edney Barbosa, 32, das categorias Sub21 e Sênior. Motivo: ambos usam prótese na perna esquerda.

               
Daniel Rodrigues nasceu já com a deficiência e começou no judô aos 15 anos, além de jogar bola, lutar Muay-Thai, Basquete de cadeira de rodas e Vôlei adaptado. Um desafio para quem supera as dificuldades da vida através do esporte.
“Fui bem acolhido no judô e estou melhorando minha técnica cada vez mais. No tatame enfrento qualquer tipo de adversário sem medo de ser feliz”, avisou Daniel Rodrigues.
Edney Barbosa sofreu um acidente de moto e há um ano amputou a perna esquerda. A superação veio com o judô que ele pratica há seis meses.
“O judô me ajuda com a adaptação à prótese e a combater o preconceito. Minha autoestima está lá em cima”, ressaltou ele.
               
“Aqui estamos dando um ‘ippon’ no preconceito”, concluiu Daniel Rodrigues em referência ao golpe perfeito e que elimina o adversário.

Por: Ascom Arapiraca 

Compartilhe :

veja também

últimas notícias


Entre em contato

ara.noticia@hotmail.com


www.aranoticia.com - Todos os direitos reservados. © 2018