Casal é preso no Residencial do Agreste suspeito de vários crimes

Um casal foi preso na noite desta quinta-feira (30) suspeito de porte ilegal de arma de fogo, receptação, tráfico de entorpecentes e associação para o tráfico. A dupla foi detida no Residencial do Agreste com um revólver calibre 38, 800 gramas de maconha e uma Moto Honda Broz de cor preta.

Segundo informações do delegado titular da 4ª região, Gustavo Xavier, em uma operação conjunta realizada por Policiais Civis da 4ª DRP e Militares do 3º Batalhão José Cícero Guedes conhecido como “Olho de gato” e Andreia Maria da Silva foram presos em casa, após investigações da Polícia.

Ainda de acordo com Gustavo Xavier, “Olho de Gato” era autor intelectual de vários delitos cometidos na cidade de Arapiraca e região. Ele emprestava armas de fogo e motos para que menores que residem no Residencial do Agreste e outros bairros de Arapiraca cometessem os assaltos.
O ciclomotor recuperado pela polícia foi tomado em assalto a uma farmácia na tarde desta quarta-feira (29), onde os suspeitos ainda levaram uma quantia de cem reais. Outro caso em que José Cicero seria o mentor, foi em um latrocínio registrado no bairro Santa Edwiges em Arapiraca, onde o suspeito emprestou uma arma de fogo para que os menores realizassem um assalto. Ao ser abordada, a vítima se negou a entregar o ciclomotor e acabou assassinada com um disparo.
Os suspeitos junto com o material apreendido foram encaminhados para a Central de Polícia Civil no bairro Baixão em Arapiraca para que sejam realizados os procedimentos cabíveis.
Por: 7 segundos 

Compartilhe :

veja também

últimas notícias


Entre em contato

ara.noticia@hotmail.com


www.aranoticia.com - Todos os direitos reservados. © 2018