Conferência aborda melhorias no fortalecimento de vínculos

A inclusão social por meio dos direitos básicos. Este foi um dos focos levantados pela VIII Conferência Municipal de Assistência Social, realizada no Levino’s Hall nesta quarta-feira (22). O evento se concentrou na consolidação do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) em Arapiraca.

No início do evento, com centenas de profissionais e estudantes que se credenciaram gratuitamente, houve apresentação teatral de jovens do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) e execução dos hinos Nacional e da cidade, além da leitura na íntegra do regimento interno, com sua devida aprovação.

“Neste 2015, o SUAS completa 10 anos de existência, atuando em 99,6% dos municípios brasileiros, um grande avanço político com qualificação no atendimento, nos serviços ao povo. Temos oito Centros de Referência em Assistência Social (Cras) e mais um sendo erguido – o do bairro Primavera –, onde nestes locais são trabalhados os fortalecimentos de vínculos entre as famílias arapiraquenses. Sob os olhares da prefeita Célia Rocha, este é um trabalho que vem sendo feito com zelo e profissionalismo”, diz a secretária Municipal de Assistência Social (Semas), Anadja Gomes.

A explanação dela aconteceu durante a mesa de abertura, que contou também com a secretária Municipal de Indústria, Comércio e Serviços (Semics), Myrka Lúcio; secretário Municipal de Governo, José Lopes; presidente da Federação das Associações Comunitárias de Arapiraca (Facomar), Brás Antônio de Farias; presidente do Conselho Municipal de Assistência Social, João Pereira; e o analista da Controladoria Geral da União (CGU), Sérgio Studart.

Para João Pereira, este foi um momento único de debates. “Estamos discutindo os rumos deste setor para os próximos anos. Um dia como este sempre é muito proveitoso na ótica da abordagem de novas políticas públicas a serem propostas”, comenta ele, à frente do conselho.


Anadja Gomes palestrou um painel sobre o “SUAS em Arapiraca” e, em seguida, a mestre em Serviço Social, Sheyla Alves Barros, falou do “Consolidar o SUAS de vez rumo a 2026”, lema da conferência.

Em meio aos eixos levantados – “Dignidade Humana e Justiça Social: Princípios Fundamentais Para a Consolidação do SUAS”, “Participação Social Como Fundamento do Pacto Federativo no SUAS”, “Primazia da Responsabilidade do Estado: Por um SUAS Público, Universal, Republicano e Federativo”, “Qualificação do Trabalho no SUAS na Consolidação do Pacto Federativo” e “Assistência Social É Direito no Âmbito do Pacto Federativo” –, várias prioridades foram colocadas a fim de serem levadas as proposições para a Conferência Estadual de Assistência Social, a qual ocorrerá nos dias 8 e 9 de outubro.

Ao final, houve a eleição dos delegados que representarão os anseios de Arapiraca na referida conferência. Antes desta etapa municipal, aconteceram oito pré-conferências abordando estes assuntos.

Por: Ascom Arapiraca 

Compartilhe :

veja também

últimas notícias


Entre em contato

ara.noticia@hotmail.com


www.aranoticia.com - Todos os direitos reservados. © 2018