Vila Nova vence o confronto direto com ASA e se isola na vice-liderança

Vila Nova x ASA no Serra Dourada (Foto: Renato Conde/O Popular)
Foto: Renato Conde/O Popular
O Vila Nova pulverizou a invencibilidade do ASA na Série C do Brasileirão. Num confronto direto pela vice-liderança do Grupo A, o Tigre mordeu o adversário com gosto na nona rodada e venceu neste sábado por 3 a 0 em Goiânia. Marinho, Francesco e Frontini balançaram a rede no Serra Dourada e deixaram o Vila na boa, agora com 19 pontos na chave.
O atacante Moisés não fez nenhum gol, mas destruiu o sistema defensivo do adversário. Criou, chutou e deu duas assistências para os gols de Francesco e Frontini. Foi o nome do jogo no Serra Dourada e deixou o gramado aplaudido pela torcida.
O Alvinegro segue com 16 pontos e, por enquanto, ocupa o terceiro posto. Pela décima rodada, o ASA vai receber o Confiança em 2 de agosto (domingo), em Arapiraca, às 19h, e o Vila pega o Cuiabá um dia depois, na Arena Pantanal, às 20h15.
Pressão do Tigre no primeiro tempo
O Vila Nova iniciou a partida em cima. Pressionou, colocou o goleiro Pedro Henrique para trabalhar num chutaço de Moisés e ainda teve um gol anulado aos dez minutos. Gustavo acionou Vinícius Silva, que concluiu para a rede em posição de impedimento. O ASA respondeu aos 17 minutos, numa escapada de Didira, que deu um susto em Edson após finalização de fora da área.
Os donos da casa voltaram a pressionar. Marcelo cruzou com muito veneno da direita e Frontini não alcançou. O ASA só saía na boa. O objetivo era jogar fechado e tentar contra-ataques. O Tigre, por sua vez, sufocava. Aos 39, Patrick tocou para Frontini, que parou em grande defesa de Pedro Henrique. Gustavo, do Vila, sentiu lesão e deixou o campo aos 42 para a entrada de Francesco.
Gols do Vila na etapa final
Técnico do ASA, Vica reforçou ainda mais a marcação no segundo tempo ao sacar o meia Marlon e apostar no volante Cal. O time alagoano até equilibrou as ações, mas foi castigado por uma falha do sistema de marcação. Aos nove, Francesco entrou pela direita e cruzou para Marinho Donizete, que bateu por cima do goleiro Pedro Henrique e abriu o marcador para o Vila.
Perdendo o jogo, o ASA avançou aos peças e criou boa oportunidade com Uéderson, que chutou para fora. O Vila recuou um pouco e passou a fazer o papel do adversário, explorar os contra-ataques. Foi eficiente e, aos 30 minutos, matou o jogo. Moisés cruzou da linha de fundo na cabeça de Francesco, que tirou de Pedro Henrique e ampliou. Frontini confirmou a goleada aos 45 minutos, após outra bela jogada de Moisés, que se livrou com facilidade da marcação e achou o atacante livre. Ele dominou, olhou o goleiro e bateu sem chances: 3 a 0 no Serra Dourada.
Por: Globo Esporte 

Compartilhe :

veja também

últimas notícias


Entre em contato

ara.noticia@hotmail.com


www.aranoticia.com - Todos os direitos reservados. © 2018