Vídeo: Menino assassinado em Arapiraca conta briga entre mãe e padrasto

Foto: Reprodução
Em um vídeo que anda circulando pelo aplicativo WhatsApp, o menino de 3 anos, Dyllan Taylor Soares, conta situações de brigas entre seu padrasto, Meydson Alysson Alves da Silva Leão, de 22 anos, e sua mãe, Joyce Silva Soares.
No vídeo, o garoto conta que a mãe dá tapas e chutes no seu padastro, a quem chama carinhosamente de pai. Perguntado por Meydson se o garoto defenderia o pai, o menino inocentemente responde que sim.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
Relembre o caso

Em poucas horas, a Polícia Civil elucidou um crime que chocou a população de Arapiraca, desde as primeiras horas desta manhã. A morte do garoto Dyllan Taylor Soares, de apenas 3 anos, foi provocada por chutes, tapas e socos proferidos pelo padrasto dele, identificado como Meydson Alysson Alves da Silva Leão, de 22 anos.

De acordo com as investigações, ainda na quarta-feira pela tarde, o padrasto teria agredido a criança. A mãe, identificada como Joice Silva Soares, alegou que encontrou a criança triste e teria pedido água.


A reportagem do Diário Arapiraca apurou, junto aos policiais civis, que o acusado confessou o crime durante o depoimento passando, inclusive, detalhes de como praticou a violência que culminou na morte do enteado.

Em outro ponto da Central de Polícia, Joyce Souza, sem esboçar reações normais para uma mãe que acabou de perder um filho, defendia o companheiro ou omitia o crime. Ela revelou que vive com o acusado há cerca de 9 meses e nunca teria presenciado algum ato violento ou escutado alguma reclamação do filho.

Por: Diário Arapiraca 

Compartilhe :

veja também

últimas notícias


Entre em contato

ara.noticia@hotmail.com


www.aranoticia.com - Todos os direitos reservados. © 2017