Criptografia no WhatsApp funciona mesmo sem verificar código de segurança

Tela de confirmação de código de segurança no WhatsApp (Foto: Luciana Maline/TechTudo)
Foto: Luciana Maline/TechTudo
A criptografia no WhatsApp foi ativada nesta semana para proteger mensagens, fotos e áudios. Com o lançamento, alguns usuários do app perceberam uma tela no celular para "Verificar código de segurança". Ela apresenta um QR Code e uma série de números. Procurada pelo TechTudo, a equipe do WhatsApp esclareceu que o uso desta forma de confirmação não é obrigatória. Mesmo sem abri-la, o smartphone já está protegido.
"O usuário não precisa fazer este procedimento", informou a equipe de comunicação do WhatsApp no Brasil. Trata-se de um recurso "opcional" que não interfere na encriptação das mensagens – ela é automática e acontece durante todo o tempo em que o telefone estiver ligado.

Cada chat no mensageiro – seja ele em grupo ou com somente um amigo – possui um código próprio relacionado com a segurança. O objetivo é atestar que a mensagem foi criptografada de ponta a ponta. Em outras palavras: o conteúdo da conversa é embaralhado ao ser enviado e decodificado apenas ao chegar ao smartphone do destinatário.
O QR Code ou o número composto por 60 dígitos podem ser comparados entre as pessoas da mesma conversa. Se os dois amigos estiverem perto um do outro, a opção mais prática é usar o smarphone de um para escanear o código na tela do outro.
Esse recurso funciona no Android, iPhone (iOS) eWindows Phone.

Caso os contatos não estejam fisicamente próximos, existe ainda a opção de compartilhar o código numérico, para que haja a checagem manual.

Como funciona?
A confirmação se dá por meio de um sinal, que pode ser verde (caso a criptografia esteja ativa) ou vermelho (caso não esteja funcionando).
WhatsApp: aplicativo avisa se a troca de mensagens é privativa ou não (Foto: Reprodução/TechTudo)WhatsApp: aplicativo avisa se a troca de mensagens é privativa ou não (Foto: Reprodução/TechTudo)
Em nossos testes, não foi possível confirmar a proteção extra numa conversa entre um Galaxy S7 Edge e um iPhone 5S. O WhatsApp roda a versão atual em ambos os dispositivos.
Ainda assim, a documentação oficial do WhatsApp sobre privacidade informa que "nesse caso, é provável que você ou a pessoa com quem você está conversando precise atualizar para a versão mais recente".
Por: Tech Tudo 

Compartilhe :

veja também

últimas notícias


Entre em contato

ara.noticia@hotmail.com


www.aranoticia.com - Todos os direitos reservados. © 2017