Pedofilia na Igreja volta a colocar Arapiraca em manchete nacional

O Programa Conexão Repórter, exibido na noite deste domingo (11) no SBT, teve como pauta principal o caso de pedofilia envolvendo a Igreja Católica, especialmente entre padres e coroinhas de Arapiraca.
Durante o programa, o jornalista Roberto Cabrini entrevistou dois coroinhas envolvidos no escândalo que, na época, levou o nome de Arapiraca de forma negativa para todo o mundo. O caso provocou reuniões a portas fechadas no Vaticano, sede da Igreja Católica no mundo.
Ainda no programa foi divulgado que em janeiro deste ano uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) determinou uma multa no valor de R$ 3 milhões aos ex-padres Luis Marques, Raimundo Gomes (falecido em 2014) e Edilson Duarte. A multa até agora não foi paga e, de acordo com o jornalista Roberto Cabrini, a lei determina que os religiosos eram para estar presos.
A notícia repercutiu em Arapiraca, principalmente entre os católicos, que desde o escândalo envolvendo os religiosos estão com opiniões divididas.
Por: Minuto Arapiraca 

Compartilhe :

veja também

últimas notícias


Entre em contato

ara.noticia@hotmail.com


www.aranoticia.com - Todos os direitos reservados. © 2017