Abertos novos editais para artistas comporem a programação do São João

forroArapiraca é uma terra fértil, que dá desde fumo, milho e abacaxi até arte genuína, brotando pelos quatro cantos agrestinos.
 
Pensando nisso, a Prefeitura de Arapiraca, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Sectur), está lançando novos editais, como o de “Seleção de Bandas e Artistas Para a Programação Musical Local dos Festejos Juninos 2016 – Polo Multicultural” (veja aqui).
 
Ele englobará grupos musicais ou artistas solo, tendo R$ 18 mil para serem repassados, valor oriundo de parceria entre a Prefeitura de Arapiraca e o Ministério da Cultura (Min) – o montante foi assegurado antes da extinção da pasta pelo novo Governo Federal.
 
Segundo a Sectur, o espaço é voltado também ao cenário de bandas alternativas da cidade, para além do teor nordestino, colocando assim todo mundo no mesmo “balaio junino” de sons. As inscrições vão até o próximo dia 30.
 
Em outro viés destinado às bandas de forró locais, um edital específico foi lançado, com valores chegando a R$ 84 mil para 12 grupos a serem selecionados (veja aqui).
 
Serão automaticamente desclassificados os projetos cujos proponentes tiverem sua atuação cultural vinculada a práticas de desrespeito às mulheres, às leis ambientais, às crianças, aos idosos, aos jovens, aos afrodescendentes, aos povos indígenas e ciganos, aos(às) LGBTs, às pessoas de baixa renda, às pessoas com necessidades especiais ou que incentivem o uso abusivo de álcool e outras drogas. As inscrições deste módulo serão até dia 27.
 
Outro edital lançado é para “Trios Pé-de-Serra”, que personificam o resgate às tradições da cultura popular (veja aqui). Sanfona, zabumba e triângulo: este é o tripé que fez do sofrimento do povo sertanejo um modo de encarar a vida com mais plenitude, arrastando o pé e as sandálias.
 
O valor para este tópico é de R$ 62,4 mil para 26 trios selecionados para tocarem nos festejos do São João de Arapiraca 2016. Por sua vez, as inscrições vão até dia 27.
 
Além deste, existe mais um edital, agora para a “Mostra de Repente e Viola” a retomar um legado de nossas veiais nordestinas que Arapiraca tenta evocar todos os anos (veja aqui).
 
Para esta mostra, serão disponibilizados – também pela parceria Prefeitura e MinC – R$ 13,6 mil a estes artistas populares, mestres no improviso poético.
 
Os prêmios serão desenvolvidos mediante a concessão de recursos financeiros destinados a iniciativas de reconhecimento de diversidade, ao valor artístico e cultural e ao trabalho e ações exemplares de resgate, reprodução, continuidade e florescimento das tradições juninas, sobretudo.

Por: Ascom Arapiraca 

Compartilhe :

veja também

últimas notícias


Entre em contato

ara.noticia@hotmail.com


www.aranoticia.com - Todos os direitos reservados. © 2017