Renan Filho chama de 'selvageria' briga de torcidas na final do Alagoano

Postagem foi feita pelo Facebook no último domingo (Foto: Reprodução/Facebook)
(Foto: Reprodução/Facebook)
O governador de Alagoas, Renan Filho (PMDB) usou seu perfil em uma rede social para comentar sobre a confusão que marcou o final da partida entre o CSA e CRB, ocorrida no último domingo (9), no Estádio Rei Pelé, em Maceió. Renan Filho classificou as cenas de violência como "selvageria, inaceitáveis e que envergonham as famílias".
Veja abaixo do texto a nota na íntegra
Segundo apuração do Globoesporte.com, no momento em que o CRB fez o gol da vitória, torcedores regatianos invadiram o gramado e partiram em direção aos jogadores do CSAlogo após o apito final. Parte da torcida azulina também entrou no gramado e o Estádio Rei Pelé virou campo de guerra. Várias pessoas foram agredidas.
Na publicação, Renan Filho disse que disse que acionou a Segurança Pública para que os responsáveis fossem identificados, localizados e capturados o mais rápido possível.
Confira abaixo a nota:
"As cenas de selvageria que ocorreram após o jogo entre CSA e CRB, neste domingo, são inaceitáveis e envergonham as famílias de Alagoas.

Determinei agora à noite ao sistema de Segurança Pública uma ação imediata e integrada de todas as forças policiais para a identificação, localização e captura dos envolvidos nos atos de violência. E toda presteza possível no socorro às vítimas.

Alagoas repudia a violência e a covardia. O Governo do Estado já está agindo para que, com a rapidez necessária, os membros de torcidas organizadas que agem como bandidos travestidos de torcedores sintam a mão firme da polícia, a força da Lei e a face severa da Justiça".

Por: G1-AL

Compartilhe :

veja também

últimas notícias


Entre em contato

ara.noticia@hotmail.com


www.aranoticia.com - Todos os direitos reservados. © 2017