Motolâncias devem voltar a prestar atendimentos no Samu de Arapiraca

Motolâncias farão trabalho auxiliar, prestando assistência mais rápida.
Foto: Secretaria de Saúde-RS/Cortesia
Atribuindo maior agilidade e qualidade de atendimento aos arapiraquenses, o Governo de Alagoas garantiu a restauração das viaturas do Samu. O governador Renan Filho adiantou, nesta segunda-feira, 4, durante as ações realizadas no município de Arapiraca, que também implantará atividades das motolâncias, ampliando e melhorando o atendimento em toda região.

A ideia é melhorar o tempo-resposta no atendimento das urgências e emergências. As motos possuem como características, a agilidade para chegar a seu destino com celeridade, mesmo em trânsito intenso.

“Estamos viabilizando o conserto das viaturas do Samu. O Estado teve problema no contrato da manutenção, enfrentamos muitas irregularidades, isso acarretou em muitos transtornos e conseguimos reverter este quadro. Comuniquei a Secretaria [de Estado da Saúe] novamente para enviar as motolâncias para Arapiraca o quanto antes. Já fizemos isto em Maceió e sem dúvida alguma, o serviço integrado do atendimento do Samu, com as motolâncias, será de grande importância para o cidadão ter atendimento ágil e de qualidade na hora que mais necessita” concluiu Renan Filho.

As motolâncias servem de apoio também até a chegada de uma Unidade de Suporte Básico (USB) ou uma Unidade de Suporte Avançado (USA). Elas realizam o isolamento do local da ocorrência, afastando curiosos e eventuais riscos ambientais à saúde do paciente. Uma situação que é comum durante o atendimento de vítimas que necessitam de atendimento durante competições esportivas e acidentes de trânsito.

INSTITUTO DE CRIMINALÍSTICA
O governador Renan Filho explicou que os trabalhos do Instituto de Criminalística irão definitivamente para Arapiraca. Estado busca prédio para alugar provisoriamente.

O local provisório será alugado para que as atividades do IC possam ser exercidas devidamente, enquanto o prédio fixo e próprio do instituto seja construído e entregue a população no segundo semestre.

"Espero que nos próximos 60 dias isso possa acontecer. Para isso, terei que convocar a reserva técnica da Perícia Oficial do Estado e farei isso, em homenagem a necessidade de se investigar melhor todo tipo de violência no Agreste alagoano, sobretudo em Arapiraca", pontuou o governador.

Por: Agência Alagoas 

Compartilhe :

veja também

últimas notícias


Entre em contato

ara.noticia@hotmail.com


www.aranoticia.com - Todos os direitos reservados. © 2017